NFT: O que são Tokens não-fungíveis?

NFT: O que são Tokens não-fungíveis?

Já ouviu falar sobre NFT ou tokens não-fungíveis? É importante entender mais sobre essas tecnologias para utilizar em seu dia a dia.

Tendo em vista que, o NFT é uma tecnologia que tende a se popularizar em diversos setores, por ser seguro e eficaz.

Possibilitando uma série de benefícios para quem utiliza os tokens não-fungíveis em seu cotidiano de trabalho.

Tokens não-fungíveis e o mercado de arte

O NFT ou tokens não-fungíveis são ativos digitais únicos, associados à tecnologia blockchain que são únicos e irrepetíveis. Ou seja, agregam a tecnologia blockchain para garantir um certificado de originalidade e também de propriedade de um item.

Por exemplo, uma tela criada por um artista plástico pode contar com a NFT para garantir sua legitimidade. Dessa forma, nenhum fraudador terá o NFT que comprove que é proprietário daquela pintura.

Somente a versão original terá acesso ao contrato inteligente que permite a possibilidade de comercializar a tela, passando o NFT para o novo dono.

O token não-fungível possui um contrato inteligente que é capaz de dar ao token sua identificação. Ou seja, cada token é único, de posse de um proprietário e é um token indivisível, porém transferível.

Justamente o que proporciona a capacidade de vender seu token sem que o novo proprietário seja considerado um fraudador ou farsante.

Como guardo um NFT?

Quem compra um NFT está comprando um ativo digital e para tal, precisará de uma carteira digital para seu armazenamento.

É fundamental ter uma carteira digital confiável, para armazenar seus ativos digitais e ter a tranquilidade de saber que eles estão bem guardados.

Como funciona a compra e venda de NFT?

Atualmente, o NFT tem se tornado uma tecnologia muito popular entre os artistas plásticos. Tendo em vista que, garantem a autenticidade de seus materiais.

E o processo para tal é muito simples, existem plataformas onde o artista fará o upload de seu arquivo, criando um smart contract (contrato inteligente), que associa seu material recentemente enviado para a plataforma aos seus dados.

Em seguida, o material ficará disponível na plataforma, onde compradores podem visualizar os tokens disponíveis para a compra e venda.

Um interessado poderá adquirir o NFT que chamou sua atenção e o criador irá transferir sua propriedade para o comprador que acabou de adquirir seu material.

Atualmente, as transações que envolvem essa tecnologia são associadas ao mercado de criptomoedas. Geralmente, as transações se dão utilizando Ethereum como forma de pagamento.

A tecnologia promete se popularizar no mercado cultural

É interessante destacar que, a tecnologia promete se popularizar nos próximos anos, utilizando principalmente o nicho cultural.

Tendo em vista que, é muito comum querer garantir a autenticidade de obras que deseja adquirir. Por meio da tecnologia NFT, é possível fazer transações mais seguras, evitando investir em falsificações.

A música, filmes, obras de arte e muitos materiais associados ao universo cultural estarão disponíveis contando com a tecnologia NFT nos próximos anos.

O processo de popularização da tecnologia pode desencadear também a valorização do Ethereum como um ativo muito utilizado nos pagamentos dessas transações.

Portanto, é um aspecto para o qual os investidores precisam se atentar, tendo como objetivo fazer bons investimentos. Afinal, as mudanças e novas tecnologias que se popularizam ditam o valor de mercado das criptomoedas que estão envolvidas no processo de pagamento.

Tendo a lei de mercado como fator que atua em influência direta sobre o preço da criptomoeda que está sendo mais comentada e usada como forma de pagamento.